black friday 2019

#BisInforma – As expectativas para a Black Friday 2019

260 Visitas0 Comentários

Compartilhe nas mídias sociais

Pesquisa feita pelo Google, em parceria com a consultoria Provokers, apresentou alguns números importantes para a data; confira

A Black Friday, esperada sexta-feira de promoções que acontece anualmente, é o início de uma temporada de consumo que se junta com a Cyber Monday, o 13º salário, o Natal e o Ano Novo. Ela chegou ao Brasil em 2010 e precisou de alguns anos para se consolidar de vez no mercado. Para se ter noção, em 2014, menos de 30% das pessoas conheciam a data, de acordo com a pesquisa “Temporada Black Friday”, feita pelo Google em parceria com a consultoria Provokers. 

No entanto, este cenário mudou. Em 2018, a Black Friday já era reconhecida por 99,5% dos consumidores e isso foi notado a partir dos resultados do ano passado, divulgados pela Ebit | Nielsen, empresa que mede a reputação de lojas virtuais. Somando as vendas de quinta e sexta-feira de 2018, a data foi responsável por 4,9% do faturamento total do e-commerce, com 4,3 milhões de pedidos, faturamento de R$2,6 bilhões e ticket médio de R$608. A sexta de promoções também entra como um das principais datas sazonais/comemorativas do Brasil e a maior do ano. 

black friday 2018
39º WEBSHOPPERS – Ebit | Nielsen

Além disso, o número de consumidores únicos, que fizeram pelo menos uma compra online na data, cresceu 9% em relação ao ano de 2017, indo para 2,41 milhões. No total, em 2018, a Black Friday trouxe para o e-commerce cerca de 373 mil novos consumidores.

Neste ano de 2019, o dia de descontos será em 29 de novembro. As expectativas já estão altas e os consumidores ansiosos para as promoções que virão.

Expectativas para 2019

O número de compradores em lojas físicas deve empatar com o do comércio eletrônico na Black Friday de 2019, segundo a pesquisa do Google em parceria com a consultoria Provokers. Essa é uma tendência que ocorrerá devido ao consumidor multicanal e à opção de compra pela internet e retirada na loja. 

Conforme a pesquisa, 39% dos brasileiros consideram a opção “retirar na loja” importante para a decisão e 24% esperam poder usar essa funcionalidade nas compras online. Afinal, a vantagem dessa possibilidade é a economia que o consumidor terá com o frete.

Com isso, percebe-se que as pessoas não querem apenas preços baixos, o que torna os serviços uma grande tendência nessa Black Friday. Confiança, entrega e pagamento são alguns fatores que acabam interferindo no momento da decisão de compra, conforme você pode conferir abaixo:

  1. Confiança na loja: responsável por 16% da escolha;
  2. Confiança na marca e produto: responsável por 13% da escolha;
  3. Pagamento parcelado: responsável por 11% da escolha;
  4. Valor do frete: responsável por 10% da escolha;
  5. Tempo de entrega: responsável por 4% da escolha.

Sobre as categorias com maior intenção de compra pelos consumidores, o Google destaca a de celulares (48%) como a principal, seguida de: computadores (38%); eletrodomésticos (36%); roupas (34%); calçados esportivos (32%); e perfumes (33%). Se o seu e-commerce é de algum desses segmentos, vale a pena aplicar algum diferencial para se destacar no mercado.

Preparando o e-commerce para a Black Friday

Em uma série de conteúdos que disponibilizamos no decorrer deste mês de outubro, mostramos como planejar um e-commerce para a data, quais os cuidados essenciais para um bom desempenho e como garantir uma entrega eficiente durante o período que apresenta alta quantidade de pedidos. Confira os conteúdos abaixo e esteja preparado, de verdade, para a sexta de promoções mais esperada do ano! 

Leia aqui:

Como aproveitar a Black Friday da melhor maneira? PARTE 1

Como aproveitar a Black Friday da melhor maneira? PARTE 2

Como aproveitar a Black Friday da melhor maneira? PARTE 3

Gostou do texto? Deixe a sua opinião nos comentários!

Leia também: 5 fatores que aumentam a confiança do consumidor no e-commerce

Compartilhe nas mídias sociais

Comente aqui ↓