Como escolher os produtos do seu e-commerce de forma eficiente

873 Visitas0 Comentários

Compartilhe nas mídias sociais

Entenda as questões que precisam ser analisadas para escolher os produtos ideais e ter um e-commerce de sucesso

Muitos lojistas iniciantes sentem dificuldade na hora de escolher os produtos que irão compor o portfólio do e-commerce. Essa, realmente, é uma tarefa um pouco complicada, que acaba gerando muita dúvida e até mesmo fazendo o lojista mudar a proposta do e-commerce diversas vezes antes de acertar o caminho.

Entender qual é a proposta do negócio torna as decisões bem mais fáceis e permitem definir com mais certeza os produtos da loja virtual. Mas, a definição dos produtos não se restringe a apenas esse ponto. Existem outras análises importantes que precisam ser feitas antes de colocar o empreendimento no ar.

Se você, lojista, encontra-se nessa situação, continue a leitura desse texto e confira quais são essas análises tão importantes que te ajudarão muito. Vamos lá?

 

Escolha o que mais gosta

Antes de tudo, você precisa escolher o que mais gosta. Para isso, pense em seus hobbies e veja se algo possa fazer parte do seu negócio para gerar lucro. O ideal é você escolher algo que te dê satisfação e vontade de trabalhar diariamente. Alguns bons exemplos de hobbie que podem se tornar o negócio do seu e-commerce são: fotografia, música, decoração etc. A ideia é pegar o que você gostar e transformá-lo em seu negócio!

 

Defina o mercado e veja a situação dele

Os próximos passos após a escolha do que realmente gosta de fazer e deseja trabalhar, é escolher o segmento do e-commerce, verificar se o mesmo é um mercado vendedor e qual é a sua situação atual. Uma avaliação do primeiro semestre de 2018, apresentado pela 38ª edição do Webshoppers da Ebit, empresa que acompanha a evolução do varejo virtual, mostrou quais segmentos nesse período mais tiveram destaque em volume de pedidos e volume financeiro, conforme você pode conferir na imagem abaixo:

Aqui, percebemos que em volume de pedidos, o segmento de Saúde / Cosméticos e perfumaria ganha com 15%. Já em relação ao volume financeiro, Telefonia / Celulares segue liderando a lista, com 18,9%. A análise ainda aponta quais segmentos estão em ascensão no mercado, destacando Eletrônicos, Casa e decoração e Saúde / Cosméticos e perfumaria.

Pesquisar bem como está o segmento que pretende seguir evita que você tenha prejuízos futuros ou precise trocar o segmento após o lançamento do e-commerce, pois o escolhido não teve um destaque muito bom no mercado.

 

Defina um micro nicho

Nos tópicos anteriores, você descobriu o que mais gosta de fazer e se o mercado / segmento escolhido tem potencial. Agora, é hora de você ser mais específico e definir um micro nicho dentro desse mercado. Por exemplo, se você escolher trabalhar com o mercado esportivo, você pode optar pela venda de produtos exclusivos para jogadores de futebol. Se escolher o segmento de moda, você pode focar em bolsas, sapatos ou apenas roupas. Aqui, você possui várias oportunidades dentro de um único mercado, o que te permite definir melhor o seu e-commerce.

 

Veja se há venda dos produtos escolhidos

Vamos imaginar que você escolheu o mercado de Casa e decoração e o seu micro nicho é o de quadros decorativos. A hora agora é de analisar se realmente há procura no mercado por esses produtos e se as pessoas realmente se interessam por esse tipo de produto.

O que pode te ajudar nessa análise são as ferramentas de busca de palavras-chave. O Neilpatel/ Ubersuggest é uma excelente ferramenta para verificar o volume de busca das palavras-chave que possuem relação com o produto que pretende vender em seu e-commerce. Já o Google Keyword Planner pode te ajudar a verificar os diversos termos buscados no Google e, assim, compreender se tem procura pelos seus produtos na internet.

 

Busca dos fornecedores dos produtos

Se você identificou que há oportunidade de mercado para os produtos que deseja comercializar em seu e-commerce, é hora de dar mais um passo importante, buscar os fornecedores parceiros para a revenda dos produtos. Primeiramente, você deve identificar quem é o distribuidor e as empresas atacadistas do que deseja vender. Para isso, é importante que você:

  • Participe dos principais eventos do nicho escolhido, para que ter uma noção das opções existentes no mercado e se antenar às novidades;
  • Faça pesquisa nos buscadores para descobrir  os distribuidores e atacadistas dos produtos desejados. Além disso, é interessante conhecer o que existe de novo no portfólio dos fornecedores;
  • Para expandir um pouco mais o seu “feeling” sobre seu negócio, identifique os seus concorrentes e faça pesquisas dos produtos que são mais vendidos dentro de marketplaces ou lojas virtuais próprias.

A partir disso, você terá boas noções de produtos para o seu nicho e terá conhecimento e assertividade de como o mercado tem trabalhado.

 

Analise a concorrência

Estar atento à concorrência é uma boa atitude para ver o que tem agradado os consumidores do segmento escolhido, como encontra-se os preços, as principais tendências e, até mesmo, se o ramo está ou não muito saturado no mercado online.  Ficar de olho no concorrente é importante e pode te trazer boas ideias, contudo, não fique apegado à isso e não queira fazer tudo o que o concorrente faz. O ideal é que você crie o seu próprio diferencial e ganhe destaque com ele.

 

Quer criar um e-commerce de sucesso? Então baixe gratuitamente o checklist que a Bis2Bis preparou para você com todos os passos que precisa seguir para iniciar uma loja virtual eficiente!

E aí, essas dicas te ajudaram a ter mais clareza na hora de escolher os produtos do e-commerce que está iniciando? Conte nos comentários!

Se ainda tiver alguma dúvida sobre esse assunto, converse com um de nossos especialistas em e-commerce!

Leia também: Saiba como escolher um domínio para sua loja virtual

Compartilhe nas mídias sociais

Comente aqui ↓