gestão de crise

Gestão de crise: como fazer no e-commerce?

230 Visitas0 Comentários

Compartilhe nas mídias sociais

A gestão de crise corresponde às soluções que visam reduzir os impactos de um problema já instalado na empresa. Entenda melhor como funciona esse processo, qual a importância de ter no negócio e quais atitudes tomar nessas situações

Compreender o que é gestão de crise e como se comportar em situações problemáticas é uma tarefa que todos os donos e administradores de e-commerces devem exercer.

Independente do tamanho do negócio, a crise pode chegar para todo mundo, seja por falha em um sistema, falta de equipamento, campanha mal elaborada, desastre natural, pandemia e entre outros.

É por essa razão que conhecer todos os processos da empresa e estar preparado se torna fundamental para minimizar as consequências a partir de estratégias eficazes.

E é isso que abordaremos neste texto. Continue com a gente para tirar as suas dúvidas sobre o assunto.

 

O que é gestão de crise?

A gestão de crise corresponde ao desenvolvimento de soluções com o objetivo de reduzir os impactos de uma problema já instalado e evitar altos prejuízos como a reputação da marca no mercado. 

Ou seja, refere-se às atividades que precisam ser colocadas em prática imediatamente, pois a crise já afeta a empresa. Aqui, um gerenciador de crise pode e deve trabalhar com ações de prevenção para que a situação não se agrave.

É preciso destacar que, para ter uma gestão de crise eficiente, deve-se colocar em prática a chamada gestão de risco, que é o processo de identificação, com antecedência, dos problemas que podem surgir dentro ou fora da empresa e afetá-la fortemente. É a identificação de ameaças futuras

Desta forma, as duas áreas trabalham em conjunto. Quando a gestão de risco é desenvolvida corretamente, identificando as situações que podem ameaçar a empresa, passa a facilitar o trabalho da gestão de crise, que já saberá como agir e desenvolverá ações certeiras para controlá-la caso se instale.

Leia mais

 

A importância da gestão de crise

Como já citado acima, o objetivo da gestão de crise é desenvolver ações para controlar e reduzir as consequências de um problema da empresa. Isso já destaca a importância de conter um departamento de gerenciamento de crise eficiente para saber como agir nessas situações.

Mas, além disso, a gestão de crise permite:

  1. preservar a imagem da marca;
  2. elaborar ações mais rápidas para a solução do problema;
  3. preparar a equipe para seguir no caminho certo;
  4. elevar as chances de restauração do negócio;
  5. prevenir outras situações semelhantes.

 

Como fazer a gestão de crise no e-commerce?

 

1- Entenda a situação de crise e examine os impactos na empresa 

Entenda perfeitamente o que está acontecendo e qual é a gravidade da situação. Esse é o momento de identificar os fatos, buscar informações concretas e analisar quais poderão ser os impactos dessa crise para o seu negócio

É a partir dessa atitude que você conseguirá traçar um plano efetivo para lidar com a situação da melhor maneira.

2- Elabore um planejamento 

A execução de um bom planejamento é fundamental em qualquer atividade que fizer, assim como a gestão de crise, pois te auxilia em toda tomada de decisão.

Aqui, é importante que você defina quais os métodos que serão utilizados na gestão, quais serão as ferramentas necessárias para o trabalho, quem serão os responsáveis pelas atividades e como será a execução delas.

Com essa atitude, você torna as informações mais claras e passa a ter uma visão ampla de tudo o que precisa ser feito para evitar altos impactos na empresa.

3- Faça um plano de ação e coloque em prática 

Após planejar, desenvolva o plano de ação. É aqui que ocorre a formalização, em documento, de tudo o que será feito durante a gestão da crise, ou seja, é a sistematização do projeto

Após tudo estar devidamente regulamentado, chegou a hora de colocar o plano em prática seguindo todas as diretrizes já determinadas. 

#Lembrete: seja o mais transparente possível na execução das ações. É essencial que os consumidores tenham clareza sobre a situação e, por isso, você precisa adotar uma postura respeitosa, sendo verdadeiro com o público do seu negócio.

4- Faça análises 

Com tudo sendo aplicado na gestão da crise, começa a etapa de monitoração. Analise todas as ações que estão em execução e verifique se tudo funciona da maneira esperada

Caso contrário, é preciso pensar em outras soluções mais eficazes, certo?!

#Dica: existem diversas empresas especializadas em gestão de risco e crise. Caso esteja em um momento bastante crítico ou não se encontra preparado para pensar nas melhores soluções, vale buscar a orientação de profissionais capacitados.

 

Tempos de Coronavírus: como reduzir o impacto no e-commerce?

Atualmente, estamos passando por um momento de crise extremamente difícil com a pandemia do Covid-19, também conhecido como Coronavírus.

Como sabemos que essa situação afetou diversos segmentos de e-commerce e a busca por novas soluções se tornou necessária neste momento, preparamos um e-book gratuito com dicas de como você pode reduzir o impacto da situação em sua loja virtual.

Para conferir o material basta clicar no botão abaixo!

ACESSAR MATERIAL GRATUITO

E aí, esse conteúdo te ajudou? Deixe a sua opinião nos comentários! 

Leia também: Criar loja virtual: 7 motivos para você iniciar no ramo!

Compartilhe nas mídias sociais

Comente aqui ↓