preparar equipe para e-commerce

Saiba como preparar uma equipe para trabalhar em seu e-commerce

942 Visitas0 Comentários

Compartilhe nas mídias sociais

 

Para que as atividades diárias de um e-commerce sejam realizadas perfeitamente, formar uma boa equipe de colaboradores torna-se a melhor opção; saiba como prepará-la

Muitos lojistas acreditam que possuir uma equipe destinada exclusivamente para as atividades de um e-commerce é perca de tempo. Isso até pode ser colocado como segundo plano quando a empresa ainda é pequena, entretanto, chega um momento em que uma equipe bem preparada se torna fundamental para novos crescimentos no negócio.

São infinitas atividades diárias que um empreendimento online possui, como:

  • Análise de mix de produtos (Análise Curva ABC)
  • Contato com fornecedores e negociação de preço;
  • Controle de estoque;
  • Controle de vendas;
  • Análise de comportamento, canais e conversão no site;
  • Gestão das transações financeiras (métodos de pagamento, marketplaces, loja);
  • Cadastro e manutenção dos produtos na loja;
  • Gestão da loja e das ofertas;
  • Divulgação: criação de campanhas de mídia paga e nas redes sociais;
  • Análise e manutenção de SEO;
  • Estudo da concorrência e análise de preço;
  • Pick, Pack and Ship: separação do pedido, embalagem, empacotamento, expedição;
  • Análise dos pedidos e Análise de risco (chargeback);
  • Logística: acompanhamento da encomenda até o cliente;
  • Atendimento ao cliente em múltiplos pontos de contato.

Para tanto, contar com uma equipe bem capacitada é um processo essencial para o sucesso, principalmente quando as atividades se encontram acumuladas.

Ao contratar os colaboradores, a primeira coisa a ser considerada é a cultura e os valores da empresa. A partir disso, é possível contratar os melhores profissionais que se encaixam perfeitamente à proposta do negócio. Afinal, essas pessoas estarão em contato com seu clientes e com o funcionamento do seu e-commerce.

 

O que fazer após a contratação?

Após a contratação dos colaboradores, o primeiro passo a ser dado é com o treinamento. Não adianta nada jogar tantas tarefas e sobrecarregar os funcionários se os mesmos não darão conta. Nesse caso, é preciso considerar mais contratações e, principalmente, ensiná-los. Mostre tudo o que precisa ser feito, explique como funciona o e-commerce, o perfil do público que pretendem atingir, o que é vendido etc. Separe um tempo para treinamentos e veja o que as pessoas conseguem fazer e em quais pontos precisa haver melhorias. É assim que você conseguirá identificar as dificuldades e possíveis erros nos processos.

Para tornar a equipe ainda mais preparada e produtiva, aposte também na motivação. Essa é uma excelente maneira de se relacionar bem com os seus colaboradores. Além disso, quando os funcionários se sentem motivados, em um ambiente alegre e engajado, mais produtivos se tornarão e, cada vez mais, oferecerão um atendimento de sucesso aos seus consumidores. Lembre-se, o atendimento é primordial no relacionamento com o cliente e necessita ser de qualidade.

Oferecer feedback e propiciar aos colaboradores o compartilhamento de novas ideias e sugestões é uma excelente maneira de torná-los mais inseridos e valorizados no negócio. O desenvolvimento pessoal e profissional garantem ótimos resultados.

Terceirizar é uma boa opção?

Se mesmo após a contratação de colaboradores as atividades diárias do e-commerce encontram-se acumuladas, sobrecarregando a equipe, a terceirização de serviços pode ser uma boa opção. Atividades de marketing, financeiras ou de tecnologia, por exemplo, podem ser contratadas com outras empresas especializadas no assunto. Isso é capaz de proporcionar resultados mais eficientes, afinal, seus funcionários poderão focar em um melhor atendimento aos consumidores e as outras empresas terceirizadas irão trabalhar o tempo todo com um objetivo certo.

Tirou as suas dúvidas com esse texto ou ainda tem algumas incertezas sobre o assunto? Converse com um de nossos especialistas gratuitamente!

Veja também: Você já sabe qual é o seu modelo de negócio?

Compartilhe nas mídias sociais

Comente aqui ↓