7 dicas para um e-commerce de cosméticos mais efetivo

1 de junho de 2018

 
 

A categoria ficou em segundo lugar no ano passado em relação ao volume de pedidos; de 2016 a 2017 o segmento teve grande crescimento

Segundo dados do 37º Webshoppers, apresentado pela Ebit, empresa que mede a reputação de lojas virtuais e gera dados para o mercado online, no ano de 2017, a categoria de Saúde/Cosméticos e Perfumaria ficou em segundo lugar em relação ao volume de pedidos, representando 12%. Ainda, de acordo com a pesquisa, de 2016 a 2017 a mesma categoria teve um crescimento de 8,8% em pedidos.

Com isso, é possível perceber como o segmento tem crescido no mercado e se tornado cada vez mais promissor. E foi pensando nesse crescimento, que elaboramos esse texto para você, lojista virtual. Para alavancar ainda mais as vendas no segmento, que é bastante concorrido e complexo de ser trabalhado, é preciso se atentar em alguns detalhes. Confira 7 dicas para tornar o seu e-commerce de cosméticos mais efetivo.

 

#1 O que vende e para quem vende?

Primeiramente, é preciso entender o que você vende em seu e-commerce de cosméticos e para quem vende, ou seja, o seu público-alvo. Esse passo é fundamental, pois, ao entender esses pontos, é possível criar uma loja virtual mais especializada e efetiva, melhorando a experiência dos consumidores. Com isso, também é possível trabalhar uma comunicação precisa com o público-alvo.

Para saber mais sobre essa primeira dica, assista ao vídeo abaixo!

 

#2 Fotografias de qualidade

Fotografias de qualidade são fundamentais para atrair mais consumidores e encher os olhos dos mesmos. Para o segmento de cosméticos isso não é diferente. Capriche nas fotografias, como as Still (de produtos), Still ambientadas e também com modelos. Produções assim chamam a atenção e passam mais confiança aos potenciais clientes que nunca compraram em sua loja virtual.

 

#3 Atendimento personalizado

O foco sempre será o consumidor, por isso, o atendimento deve ser SEMPRE impecável e atencioso. Ofereça um atendimento personalizado, dando toda atenção aos seus clientes. Atitudes assim farão com que os mesmos se sintam especiais e seguros para fecharem os pedidos que desejam. Além disso, é interessante oferecer outros canais para o cliente poder se relacionar com a empresa como o WhatsApp.

 

#4 Conteúdos

Trabalhar conteúdos relevantes sobre o segmento é uma excelente opção para ter um engajamento com o público da sua loja virtual. Blog ou canal no Youtube são boas alternativas para criar conteúdos como, por exemplo: dicas de maquiagem, produtos, coloração, tratamentos, etc. Esse é um caminho eficiente para a sua marca se tornar autoridade no assunto e converter cada vez mais.

 

#5 Parcerias

“Influenciadores digitais” têm se destacado muito atualmente, principalmente quando falamos em cosméticos. Eles oferecem aos seguidores a prova social dos produtos que recebem, garantindo uma boa propaganda para a marca. Apostar em parcerias com blogueiros, youtubers e instagrammers é uma ótima alternativa para destacar o empreendimento online e com isso, alavancar as vendas.

 

#6 SEO

Em todo segmento de e-commerce, o SEO deve ser muito bem estruturado. Para uma loja virtual de cosméticos, é preciso trabalhar descrições bem detalhadas dos produtos, títulos bem elaborados, de acordo com o que as pessoas mais buscam, imagens com nome no arquivo, comentários de consumidores para ganhar autoridade e palavras-chave corretas, nem muito amplas e também nem muito competitivas.

 

#7 Inovação Disruptiva

Você é disruptivo em seu e-commerce de cosméticos? A Inovação Disruptiva, criada pelo professor de Harvard, Clayton M. Christensen, é um conceito em que a inovação transforma um mercado ou setor por meio de simplicidade, conveniência e acessibilidade, objetivando alcançar um público maior. Assim, é possível entender a importância de ser disruptivo, para proporcionar inovações que tornem o serviço mais acessível, redefinindo um mercado defasado.

Para isso, é preciso oferecer diferenciais competitivos e eficientes no e-commerce e, para criar esses diferenciais, é importante que você olhe para a sua própria empresa, proporcione sempre algo a mais aos consumidores, ouça sugestões desses consumidores e claro, esteja aberto a diversas possibilidades.

Diferenciais para oferecer na loja virtual. Case Meu Salão, cliente da Bis2Bis E-commerce:

  • Menu com todas as marcas oferecidas pelo e-commerce em ordem alfabética e com fácil navegação
Exemplo: Meu Salão
  • Menu segmentado para cada tipo de cabelo, produtos e cronograma capilar
Exemplo: Meu Salão
  • Opção de adicionar ao carrinho sem precisar clicar no produto
Exemplo: Meu Salão
  • Carrinho lateral na loja virtual
Exemplo: Meu Salão
  • Brindes para oferecer para o consumidor junto com a compra
Exemplo: Meu Salão

Gostou do texto? Conte para a gente nos comentários!

Leia também: Pós-venda: como aplicá-lo de forma eficaz no e-commerce


Tags:







Quer ficar por dentro de todas as novidades?
Assine a newsletter da Bis